Saúde dos Seios: Massagem Linfática Autoaplicável nas Mamas

Um fator crucial na manutenção de um sistema imunológico saudável é um sistema linfático eficiente.

O sistema linfático é uma extensa rede de drenagem que ajuda a manter os níveis de fluidos corporais em equilíbrio e defende o organismo contra infecções. É constituído por uma complexa rede de órgãos linfoides, linfonodos, ductos linfáticos, tecidos linfáticos, capilares linfáticos e uma rede de vasos linfáticos que transportam linfa e outras substâncias por todo o corpo.

O sistema linfático é a primeira linha de defesa contra doenças. Ele gerencia a eliminação de toxinas do nosso corpo, funciona como a principal defesa imunológica do corpo e é o principal sistema do corpo para eliminação de resíduos.

Essa rede de vasos e nós transporta e filtra o líquido linfático contendo anticorpos e linfócitos (bons) e bactérias (ruins).  Nosso sistema linfático é o principal responsável por transportar material de combate a doenças para as células atacadas por germes, transportando os germes mortos para longe e fornecendo fluido de plasma rico em proteínas de volta ao coração. Quando o sistema é bloqueado, nos tornamos indefesos contra ataques de fungos e bactérias, porque o material que combate a infecção é impedido de destruí-los. Além disso, o material nutritivo das células é impedido de atingir a corrente sanguínea, o sangue perde as proteínas necessárias e as doenças infecciosas podem potencialmente invadir o corpo. O baço também ajuda o corpo a combater infecções. O baço contém linfócitos e outro tipo de glóbulo branco chamado macrófagos, que engolem e destroem bactérias, tecido morto e matéria estranha e os removem do sangue que passa pelo baço.

A maioria dos problemas de doença crônica ocorre na junção dos vasos linfáticos, ou linfonodos. Existem 160 linfonodos localizados na região da face e pescoço e mais de 300 linfonodos no tronco do corpo. Os maiores reservatórios de fluido linfático das mulheres estão localizados em seus seios. Os linfonodos na axila (abaixo dos braços) e no tecido mamário são provavelmente os linfonodos mais palpáveis na região do tronco. Você pode sentir os gânglios linfáticos pressionando abaixo dos braços, logo abaixo da clavícula, abdômen ou na dobra entre a coxa e a área pélvica. Ao tocar nessas áreas, a maioria das pessoas sente pequenos caroços e inchaços e, às vezes, dor. As saliências e a dor são sintomáticas dos gânglios linfáticos bloqueados. Os gânglios linfáticos bloqueados indicam uma quebra no funcionamento mecânico do sistema linfático e, como resultado, um colapso do sistema imunológico.

Linfedema

Toxinas carregam cargas elétricas com elas; alguns são elétrons, outros prótons. Essas cargas elétricas são algumas vezes chamadas de radicais livres. Os radicais livres se ligam ao fluido linfático neutro, que causa estagnação e formação de líquido linfático nos linfonodos, o que pode ser sentido com a palpação. Essa estagnação e agrupamento causam doença e acúmulo tóxico nos tecidos, às vezes chamado de linfedema. Mulheres, você se pergunta por que seus seios estão doloridos mesmo se você não tem menstruação? Quando seus níveis de estrogênio aumentam, como nos poucos dias anteriores à menstruação, fica ainda pior. Este é o seu sistema linfático falando com você. Está dizendo que é hora de limpar.

A massagem linfática pode reduzir o inchaço e melhorar a circulação em todo o sistema linfático. A massagem linfática geralmente faz parte de um programa de tratamento chamado terapia linfática descongestiva (DLT). Massagem de drenagem linfática é uma forma de massagem suave que estimula o movimento de fluidos linfáticos ao redor do corpo.

O fluido no sistema linfático ajuda a remover resíduos e toxinas dos tecidos corporais. Algumas condições de saúde podem causar a formação de fluido linfático.

Para efetuar especificamente a linfa na massagem, é necessário bombear em uma direção específica, em um ritmo específico. Isso imita a ação natural do sistema linfático.

Massagem Linfática de Mama é fácil de aprender. É diferente de apenas massagear seu seio porque você especificamente moverá o seio de uma maneira que imite como a linfa se move no corpo.

1. Respiração Linfática

A respiração profunda age como uma bomba que ajuda a movimentar o líquido através dos vasos e dos gânglios linfáticos. Siga os passos abaixo:

  • Coloque as duas mãos no estômago.
  • Inspire pelo nariz, expandindo o estômago e mantendo os ombros imóveis.
  • Expire devagar pela boca.

• Descanse entre as respirações.

2. Prepare a frente do pescoço

  • Coloque os dedos indicador e médio de cada mão em cada lado do pescoço, ligeiramente acima da clavícula.
  • Estique a pele deslizando suavemente os dedos para dentro em direção ao meio da clavícula.

3. Prepare o lado do pescoço

  • Coloque a palma de cada mão em cada lado do pescoço abaixo das orelhas.
  • Lentamente, mova as duas mãos para baixo e para trás.

4. Prepare a parte de trás do pescoço

  • Coloque as palmas das mãos na parte de trás do pescoço perto da linha do cabelo.
  • Deslize suavemente as mãos pelo pescoço em direção à coluna.

5. Prepare sob os braços

Prepare os linfonodos sob os braços para ajudá-los a aceitar o fluido linfático de outras áreas do corpo. Não faça esse movimento em áreas que os médicos trataram de câncer. Siga esses passos:

  • Coloque a palma sob a axila.
  • Bombeie suavemente a palma para cima e em direção ao corpo.
  • Repita no outro braço.

Prepare atrás dos joelhos:

  • Coloque as duas mãos atrás do joelho, para que os dedos apontem um para o outro.
  • Bombeie a parte de trás do joelho pressionando suavemente as mãos na parte de trás do joelho e rolando-as para cima.
  • Repita no outro joelho.

Massagem Linfática das mamas retirada do site Projeto Saúde dos Seios

Vamos usar um movimento de bombeamento, onde movemos a mama usando alguma pressão leve e, em seguida, liberamos a mama suavemente, permitindo que ela retorne à sua posição normal.

Cada movimento e retorno conta como uma bomba. Usando o modelo de massagem mamária linfática, a ideia mais importante é manter o fluido linfático em movimento nessa área.

Abaixo estão os passos simples para usar para massagem mamária linfática. (Use estas instruções com a ilustração abaixo.)

Coloque a mão na axila e empurre para dentro e para cima. Vá fundo na axila. Bombeie para cima e solte. Faça isso dez a vinte vezes.

Pegue seu peito inteiro e mova-o para cima em direção à axila. Se seus seios são grandes, isso pode levar mais de uma posição de mão. Faça isso dez vezes.

segure seu peito e bombeie diretamente para dentro em direção à parede torácica. Faça isso cinco vezes.

Mantendo seu seio estável, bombeie o quadrante superior interno do seio em direção ao pescoço. Faça isso cinco vezes.

Você pode fazer o bombeamento mais do que o número recomendado de vezes, se quiser.

Pedimos desculpas por ser difícil explicar verbalmente esses movimentos sem mostrar movimentos.

Por favor, note que o sistema linfático tem uma válvula unidirecional, então você não pode bombeá-lo para trás por engano e causar danos.

Lembre-se, ao trabalhar no tecido mamário:

  • Concentre-se em criar movimento.
  • Não se preocupe muito com a direção correta.
  • Esta ação de bombeamento é diferente da massagem.
  • Ao mover a mama na direção inicial, use alguma pressão.
  • Em seguida, solte e deixe a mama voltar à sua posição normal. Torna-se uma ação de bombeamento.
  • No movimento para cima, use pressão e solte para permitir que a mama volte. Isso imita e aumenta o movimento natural do sistema linfático.