O inconsciente biológico- O código secreto do sintoma

O inconsciente biológico nos conecta com nossos sintomas, com nossas doenças, também nos conecta com as circunstâncias em que vivemos, com os relacionamentos que temos: o casal, nosso chefe, nossos amigos, as pessoas com quem interagimos.

O inconsciente biológico nos conecta sob o filtro de nossas crenças. Nossas crenças mais profundas se tornam o padrão que moldará nossas experiências.

Para o inconsciente, que não vive a dualidade como a entendemos, a realidade é muito diferente. Para ele o real é igual ao virtual, ele não consegue diferenciar entre o que acontece e o que ele acha que acontece. Ele reage como se tudo o que pensamos, sentimos e vivemos seja realidade. Existe uma linha tênue entre imaginação e realidade.

O inconsciente vive na intemporalidade. Não há tempo, tudo está aqui e agora. Nosso intelecto divide-o em passado presente e futuro. O que eu vivi, o que eu vivo e o que eu acredito que vai viver, estão sempre manifestos agora.

O inconsciente registra tudo, guarda tudo, porque pode ser necessário a qualquer momento. Se tivermos uma experiência traumática, ele mantém tudo o que sentimos, emoção e ressentimento. Portanto, quando vamos em busca de cura, só temos que acessar esse momento para poder mudar a emoção.

O inconsciente é inocente, ele não tem capacidade para julgar, se o vemos como ruim ou bom depende de nossas crenças e não dele.

O inconsciente mostra suas crenças no espelho da vida. Nossas crenças verdadeiras são refletidas em nossas crenças mais íntimas.

Para o inconsciente, não há nada externo. Para ele, tudo é um. O que vivemos e sentimos está sempre em nós. Se sofrermos é porque vemos sofrimento, para o inconsciente quem sofre é você e a causa do sofrimento está em você. Em seguida, dá uma solução biológica para o que chamamos de doença. Se fizermos o nosso problema do outro, para o inconsciente temos o problema e não o outro. Ninguém jamais resolveu o problema de outra pessoa sofrendo, a única coisa que vai conseguir é ficar doente e agravar o problema.

A decodificação biológica usa várias técnicas, deve ficar claro que nosso trabalho é a conscientização. Quando o paciente toma consciência da influência exercida pelos antepassados, e que o inconsciente da família guarda a memória de todos os fatos importantes, então está em condições de desenvolver um nível superior de consciência.

Emoções são responsáveis pela ativação de nossos genes, eles são o sinal que nosso IB interpreta. Nós só podemos experimentar duas emoções. Amor e Medo, todos os outros derivam deles. A emoção do amor tem uma freqüência vibracional mais alta e mais rápida do que a emoção do medo, que é mais baixa e mais lenta. As freqüências vibracionais de nossas emoções afetam nossa biologia e, dependendo da intensidade ou duração, elas produzem verdadeiras mudanças físicas.

Existem 64 códigos possíveis de aminoácidos em nossa estrutura de DNA. Pela lógica, todos nós deveríamos ter esses 64 códigos ativados, mas na realidade só temos 20. De todas essas possibilidades parece que apenas 20 estão ativados neste momento. Parece que há um interruptor que liga e desliga onde esses códigos estão localizados e esse interruptor são as emoções.

“A relação entre emoções e DNA transcende os limites do tempo e do espaço” Gregg Braden.

“Toda doença tem sua origem na separação. Quando a separação é negada, a doença desaparece “Um Curso em Milagres”.

                      O código secreto do sintoma

Enric Corbera- Rafael Marañón  

À medida que eu me desperto, desperto você. Eu te desejo paz sobre todas as coisas.

A serviço e da luz e da lucidez

@Interconexão

Se você acha isso útil, compartilhe com outras pessoas !

Início | Ferramentas Quânticas/Produtos |Reiki Gratuito | Atendimento e Alinhamento Energético|


Existem outros artigos relevantes para esse assunto:

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s