Epigenética: O Que herdamos de nossos pais ? E de nossa sociedade?

Comportamentos culturais por meio de instintos geneticamente programados. As crianças pequenas observam o ambiente e absorvem a sabedoria do mundo, fornecida por seus pais, diretamente em seu sistema de memória subconsciente. Como resultado, passam a ter muito dos mesmos comportamentos e crenças deles quer reconheçam ou não.

os comportamentos básicos, crenças e atitudes dos pais também são “incorporados” às redes sinápticas de nossa mente subconsciente e, uma vez que passam a fazer parte de nós, controlam nossa biologia pelo resto da vida… a menos que encontremos uma maneira de reprogramá-los.

Com um sistema tão preciso, imagine as consequências para uma criança que ouve dos pais frases do tipo: “Criança idiota”, “você não merece ganhar as coisas”, “não serve para nada”, “não devia ter nascido” ou “é um fraco”.

Quando pais descuidados ou que não gostam dos filhos transmitem a eles esse tipo de mensagem, nem sempre têm consciência de que as informações são armazenadas na mente subconsciente das crianças como “fatos reais”, da mesma maneira que os dados em um computador.

Durante a primeira fase de desenvolvimento, a consciência da criança ainda não se desenvolveu o suficiente para filtrar ou identificar essas afirmações como algo que os pais disseram em um momento de raiva e que não são necessariamente características do seu “eu”. Mas uma vez dentro da mente subconsciente elas passam a ser “verdades” que, inconscientemente, moldam o comportamento e o potencial da criança ao longo de toda a sua vida.

A medida que crescemos, nos tornamos menos suscetíveis à programação externa, pois atingimos a frequência cerebral alfa (8-12 Hz). A atividade alfa é mantida no período de consciência tranquila. Enquanto a maior parte de nossos sentidos como a visão, a audição e o olfato captam o mundo externo, a consciência é um “órgão sensor” e se comporta como um espelho, refletindo o trabalho da comunidade celular do corpo. É a chamada consciência do “eu”.

Quando a criança atinge os 12 anos de idade, seu EEG começa a mostrar períodos mais longos de uma frequência ainda mais alta chamada ondas beta (12-35 Hz). O estado beta do cérebro se caracteriza pela “consciência ativa ou concentrada”, a mesma que você está utilizando ao ler este livro. Recentemente, foi descoberto um quinto estado de EEG, ainda mais alto, chamado de ondas gama (acima de 35 Hz). Essa frequência é a predominante em momentos de “alto desempenho”, como o dos pilotos no momento em que estão pousando um avião ou um tenista quando está fazendo uma jogada que pode definir a partida.

Quando a criança passa para a adolescência, sua mente subcons-ciente está saturada de informações como o seu modo de andar, a “consciência” de que jamais será alguém na vida ou a noção de que pode obter tudo o que almejar. Depende do incentivo ou do tratamento que recebeu dos pais até aquele momento. O conjunto de instintos geneticamente programados e das crenças que adquirimos de nossos pais formam a mente subconsciente, que pode tanto nos impedir de manter o braço esticado em um consultório de quiroprática quanto sabotar todas as promessas que fazemos no Ano-Novo, de que iremos parar de comer demais, usar drogas e medicamentos etc. Volto então à questão das células, que podem nos ensinar muito sobre nós mesmos. Já disse muitas vezes que cada uma delas tem inteligência própria. Mas quando se agrupam para criar comu-nidades multicelulares, passam a seguir a “voz coletiva” do orga- nismo mesmo que ela implique comportamentos autodestrutivos. Nossa fisiologia e padrões de comportamento se desenvolvem de acordo com as “verdades” dessa voz central e todas as suas crenças, sejam elas construtivas ou destrutivas. Já mencionei o poder da mente subconsciente, mas quero enfatizar que não há necessidade de a considerarmos uma fonte assustadora, poderosa e freudiana de “conhecimento” destrutivo.

Na verdade, o subconsciente é um grande centro de dados e programas desprovido de emoção, cuja função é simplesmente ler os sinais do ambiente e seguir uma programação estabelecida sem nenhum tipo de questionamento ou julgamento prévio.

A mente subconsciente é como um “disco rígido” que armazena nossas experiências de vida. Os programas são basicamente comportamentos de estímulo-reação. Os estímulos que ativam o comportamento podem ser sinais que o sistema nervoso detecta do mundo externo e/ou de dentro do próprio corpo, como emoções, prazer e dor. Quando um estímulo é captado, gera automaticamente a mesma reação comportamental que foi aprendida na primeira vez em que foi detectado.

Complicado do livro de Bruce Lipton

À medida que eu me desperto, desperto você. Eu te desejo paz sobre todas as coisas.

A serviço e da luz e da lucidez

@Interconexão

Se você acha isso útil, compartilhe com outras pessoas !

Início | Ferramentas Quânticas/Produtos |Reiki Gratuito | Atendimento e Alinhamento Energético|


Existem outros artigos relevantes para esse assunto:

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s